sábado, 12 de junho de 2010

Bárbara


o que falar se te vejo
tecendo palavras música
tão afinadas elas
esquentando cama como quem
faz durações suaves
momentos ternos
vivência eterna
nunca igual

sem
pre
co
meço

de lá você nós aqui
tudo ao lado sempre
junto todo em frente
n'olhar instante eterno

ficaquintensa
sempre

Um comentário:

Ericka disse...

ela é bárbara